segunda-feira

Escritor Samuel Pimenta lança Blog Oficial

Publicada por Unknown 1 comentários
ESCRITOR SAMUEL PIMENTA LANÇA BLOG OFICIAL



O escritor Samuel Pimenta acaba de lançar o seu mais recente projecto: um blog oficial. O autor d' "O Escolhido", da trilogia "Heros, O Escolhido", sob a chancela da Planeta Editora, tornou o blog público na Segunda-Feira, pelas 00h00, com o endereço samuelpimentablog.blogspot.com.

O jovem escritor, que no final de 2010 e início de 2011 andou em apresentações pelo país, sentiu que havia chegado o momento de ter um espaço com um conceito seu e onde pudesse publicar, regularmente, textos da sua autoria. Como revela na primeira publicação do blog, Samuel Pimenta pretende que o novo espaço permita que os leitores fiquem a conhecer mais da sua escrita, do seu estilo e da forma como olha o mundo e o apreende através das palavras. Samuel Pimenta promete poemas, crónicas, pensamentos e comentários a citações e imagens, num regime de publicações diárias. Acima de tudo, quer que o novo espaço seja um portal para a imaginação livre, o lirismo e a essência divina das palavras.

O blog adoptou o nome do escritor e surgiu do sucesso alcançado pelo blog de poesia que Samuel Pimenta manteve durante dois anos, o Linhas, especialmente entre os leitores do Brasil.


Sobre Samuel Pimenta:
Samuel Pimenta nasceu a 26 de Fevereiro de 1990, em Alcanhões, Santarém. Licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa, começou a escrever com 10 anos. Colaborou com jornais regionais e foi cronista na revista online "Clique". É beneficiário da Sociedade Portuguesa de Autores desde 2006. Em 2007, viu-se classificado em 2.º lugar no Concurso de Escrita da Biblioteca Municipal Dr. Hermínio Duarte Paciência, em Alpiarça. Em 2010, foi um dos contemplados com o VI Prémio Literário Valdeck Almeida de Jesus na vertente de poesia, no Brasil. É autor do romance "O Escolhido", editado pela Planeta Editora, primeiro volume da Trilogia "Heros, O Escolhido", do género Fantástico. Além da escrita, dedica-se, também, ao Reiki.

domingo

"A Mulher do Capitão" de Ludgero Nascimento dos Santos

Publicada por Unknown 1 comentários

Título: A Mulher do Capitão

Autor: Ludgero Nascimento dos Santos

Páginas: 224

Editora: Alfarroba



Sinopse:
Um Romance intenso, apaixonate, que transporta o leitor a um tempo de amores proibidos e sentimentos fortes, mas também de relações de aparências, guerra e morte. Porque há histórias de amor que têm de ser contadas.

A minha opinião:
Depois de ler "O Perfume da Savana" ao qual fiquei totalmente rendida ao autor, quis continuar na mesma "onda", e isso traduziu-se no outro livro do autor, "A Mulher do Capitão".
Este livro segue a linha do anterior, uma grande história de amor. Embora tenha os mesmo ingredientes, o amor, a traição, as imagens, os cheiros, o autor consegue renovar-se e voltar a apropriar-se do leitor. A sua grande característica em usar as palavras, formando frases, muitas vezes, simples, mas com uma enorme carga de sentimento.

As primeiras páginas voltam a deliciar todos aqueles que são apaixonados por Angola. A descrição tão real que julgamos que estamos ali perante aquele ambiente mágico.

Diana é filha do veterinário e da professora lá da aldeia, perto de Santarém. Até aos 9 anos viveu na aldeia com os pais, mas depois para continuar os estudos teve de ir para casa dos tios, em Lisboa. Até ao dia que fez 18 anos, a vida de Diana correu sem grandes mudanças, mas deste dia em diante, não seria assim.

Com o avançar das páginas vamos vivendo uma belíssima história de amor, que podia ter sido protagonizada por qualquer um de nós.

Espero que o autor esteja a preparar o seu terceiro romance...

quinta-feira

Frases sobre livros...

Publicada por Unknown 1 comentários

"A leitura é uma fonte inesgotável de prazer mas por incrível que pareça, a quase totalidade, não sente esta sede." (Carlos Drummond de Andrade)

quarta-feira

Blogue dedicado ao livro A BOFETADA de Christos Tsiolkas

Publicada por Unknown 2 comentários


O blogue dedicado ao livro A BOFETADA, de Christos Tsiolkas, a ser publicado pela D. Quixote no final do mês e vencedor do Commonwealth Writers' Prize e nomeado para o Man Booker Prize, já está online.

 Pode encontrar no blogue tudo sobre este livro que causou um amplo debate por onde tem sido publicado e que foi adaptado para a televisão, numa série de grande qualidade que estreia em Setembro.

Está também disponível no blogue um ficheiro com a capa em alta resolução, a foto do autor, um dossier de imprensa e uma pré-publicação.

Os visitantes podem também participar num inquérito sobre se concordam ou não com a bofetada que foi dada à criança no livro.

Para além disso, foi criada também uma página de fãs no Facebook (http://www.facebook.com/pages/A-Bofetada/163309250411755) e uma conta no Twitter (http://twitter.com/ABofetada).

Pode consultar o blogue em http://abofetada.blogs.sapo.pt/.

terça-feira

Já Não Se Fazem Homens Como Antigamente" de Daniela Pereira, João Pedro Duarte e Pedro Miguel Rocha., Miguel Almeida

Publicada por Unknown 2 comentários


Título: Já Não se Fazem Homens como Antigamente

Autores: Daniela Pereira, Pedro Miguel Rocha, Miguel Almeida, João Pedro Duarte

Páginas: 176

Editora: Esfera do Caos

Coleção: Esfera Contemporânea
 
 
Sinopse:
Lá diz o povo que rir é o melhor remédio. E que a brincar se dizem as coisas sérias. E também as patetices, se tudo correr pelo melhor. Este livro levanta assim questões fundamentais para o futuro da humanidade: Os velhotes não deveriam ter o Viagra comparticipado pelo SNS? Se as pessoas das relações virtuais fossem assim tão interessantes estariam mesmo nos chats? Não seria já altura de perdermos a vergonha e abastecermos a nossa despensa de artigos da Sex Shop? Estas histórias falam sobre o prato principal, o Amor, isso é garantido! Mas com o acompanhamento de outros sabores como a ilusão, a obsessão, ou a tão portuguesa saudade, num registo humorístico, sentimental e despretensioso.


Sobre os autores:

Daniela Pereira
Autora dos livros "Cortar as palavras num só golpe" (2005), "Afectos Obsessivos: A poesia curiosamente sem açúcar" (2007) e "Nas águas do verso - 100 autores - 100 poemas (2008).

João Pedro Duarte
Nasceu a dois passos do Chapitô e do Castelo de São Jorge. Era a banda gótica The Cure que lhe enchia os ouvidos quando andava no Liceu de Oeiras. Licenciado em Psicologia, cedo demonstrou interesse por uma área menosprezada, a Psicologia Transpessoal de Carl Jung, que aborda o fenómeno da parapsicologia. Foi Monitor de Educação de crianças internadas em IPSS. Trabalhou com crianças autistas na APPACDM. Vive no centro histórico de Lisboa e já não prescinde da vista panorâmica sobre o rio e das calçadas mouriscas. Cruzou-se entretanto com diversos artistas, cantores, fotógrafos, artesãos e escritores e com eles criou cumplicidades indestrutíveis.

Miguel Almeida
Miguel Almeida nasceu em Rãs, pequena aldeia do distrito de Viseu, em 1970, e fez o ensino básico e secundário em Sátão. Este é o seu terceiro livro publicado, depois de Um Planeta Ameaçado: A Ciência Perante o Colapso da Biosfera (Esfera do Caos, 2006) e A Cirurgia do Prazer: Contos Morais e Sexuais (Esfera do Caos, 2010). Licenciado em Filosofia (Variante de Filosofia da Ciência) pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde também fez o Mestrado em Filosofia da Natureza e do Ambiente, exerce actualmente funções docentes na Escola Secundária Cacilhas-Tejo, em Almada. Vive na Costa da Caparica, com a mulher, Carla, e o filho, Gabriel, na proximidade poética da família e do mar. Está já a preparar futuros livros, nas áreas da prosa de ficção e da poesia.

Pedro Miguel Rocha
Licenciou-se em Ensino de Português e Inglês em 1997. Complementou a sua formação académica, em 2006, com uma Pós- Graduação em Ciências da Informação e da Documentação. Para além da escrita, gosta de ler, de viajar, de caminhar pela Natureza e de apreciar um céu primorosamente estrelado. Obras publicadas: Juntos Temos Poder (2009); Chegámos a Fisterra (2010); Já não se fazem Homens como antigamente (2010, em co-autoria).

A minha opinião:
Um livro lido na altura certa. Um livro bem divertido onde podemos encontrar personagens bem características como a Clara e o casal Solidónio e a dona Maria da Encarnação.

Quatro contos. Quatro autores. E divertimento a multiplicar por quatro.

Já não se fazem homens como antigamente, lá isso é verdade, mas não são só os homens, as mulheres também já não são como as de antigamente, assim como a sociedade. Em alguns casos passámos do oito para o oitenta...

A realidade nua e crúa está bem retratada neste excelente livro de humor.

"Rir é o melhor remédio!"

segunda-feira

"O Perfume da Savana" de Ludgero Santos

Publicada por Unknown 4 comentários


Título: O Perfume de Savana

Autor: Ludgero Santos

Páginas: 376

Editora: Pé de Página Editores


Sinopse:
Situado nos tempos em que África era uma colónia portuguesa, o presente romance espelha com intensidade os fascínios desta terra quente e inebriante e centra-se numa história de amor entre dois jovens que tudo ultrapassam para viver um amor proibido.

Ao mesmo tempo que este livro se constitui como retrato de uma época, evidenciando os seus traços culturais e, em particular, a forma como mulher é socialmente vista, ele conduz o leitor aos meandros da natureza humana e à filigrana dos sentimentos que dão cor à memória e tornam a vida uma intensa e enigmática aventura.


Sobre o autor:
Ludgero Nascimento dos Santos nasceu em 1940 numa pequena aldeia lá no sopé da grande serra. Imerso entre mulheres - mãe, duas avós, quatro tias, duas irmãs.
Posteriormente teria outra -, a única figura masculina era o seu avô, austero com elas, terno com ele.
Aos quatro anos embarcou com a mãe e as irmãs no "Mouzinho de Albuquerque" a caminho de Angola, onde se juntaram a seu pai. Aí a infância foi feliz até perder duas irmãs, a mais nova e a mais velha; a primeira por doença, a segunda num acidente de viação.
O primeiro emprego dos catorze que teve na vida conseguiu-o numas bombas de gasolina. Foi ajudante de mecânico, pescador, descascador de batatas, ajudante de cozinheiro, condutor de camiões, tractorista, electricista, soldador, mecânico de máquinas, armazenista e, por vezes, desafiava o rio na pesquisa de diamantes. Foi chamado a combater na Guerra Colonial, jogou futebol, casou e teve duas filhas.


A minha opinião:
Quando vi a capa deste livro num escaparate de uma livraria, lembrei-me que tinha lido algo sobre ele. Voltei a pegar no livro e li a sinopse. Era isso mesmo, o livro falava de Angola, a terra do meu marido. Bastou-me isso para querer lê-lo.
A seguir, sentei-me numa esplanada e decidi passar uma vista de olhos pelas primeiras páginas. Foi um erro. Mas um bom erro porque não fui capaz de o largar.
Há livros assim, apoderam-se do leitor. Com uma extrema facilidade tomam o lugar da leitura do momento, que por acaso estava a ser bastante divertida.
As primeiras páginas deste livro são um excelente aperitivo para o que vamos ler.
A escrita do autor é leve, suave, delicada, cuidada. Fiz a comparação da escrita do autor com um pintor. O pintor quando pinta coloca toda a sua alma  no quadro e consegue-se ver muito mais além do quadro. Ludgero Santos consegue ser assim,  transparente. Os cheiros, as cores, as paisagens, os animais, tudo é tão sentido, tão real.
 
O Perfume da Savana conta-nos uma história um enorme amor entre um homem e uma mulher no Continente Africano, mais propriamente em Angola.
O autor começa por descrever uma cena, poderemos dizer, nos dias de hoje, embora ele situe a acção em 2004 e o livro foi editado em 2008, o que pode querer dizer que demorou algum tempo a escrever e depois a editar. 

Esta cena passa-se no verão, num final de tarde, numa praia da zona do Algarve.
Um grupo de casais falam das novas tecnologias. Ao fim de algum tempo, Daniel, o personagem central, decide meter conversa com o grupo de casais e contar como era nos anos cinquenta e em Angola.
 
A partir daqui não conto mais. Não pretendo tirar o sabor da aventura que se sente ao ler esta linda história de amor...que até pode ser real...

"Assim que se olharam, amaram-se; assim que se amaram, suspiraram; assim que suspiraram, perguntaram-se um ao outro o motivo; assim que descobriram o motivo, procuraram o remédio." - Shakespeare

domingo

"A Mulher do Capitão" de Ludgero Nascimentos dos Santos

Publicada por Unknown 3 comentários

Estando completamente rendida à escrita e às histórias de Ludgero Nascimento dos Santos, não resisiti e hoje ao passar perto de uma Fnac,  trouxe o que será a minha próxima leitura.

sábado

Selinho - este blog é nota 1000

Publicada por Unknown 3 comentários


Obrigada Fadinha pelo teu carinho.

Uma das regras para receber o selinho é falar dez coisas sobre mim...detesto falar sobre mim...
- Sou muito exigente comigo e com os outros, mas penso que estou a melhor...aprende-se com a idade;
- Quando gosto, gosto, mas às vezes,  sofro uma decepções;
- Sendo balança de signo e ainda por cima com ascendente também em Balança, o que quer dizer que sou Balança ao quadrado, gosto da justiça!
- Sou viciada em livros, aliás, nunca saio de casa sem levar um livrinho dentro da mala;
- Gosto de cozinhar na minha Bimby;
- Detesto todas as tarefas de casa, como limpar pó, aspirar, fazer camas, passar a ferro...
- Cuido das minhas amizades, até mesmo as amizades virtuais, que já vão sendo algumas;
- Sou muito determinada;
- Todos os dias, faço por ter o momento zen...ler um livro deitada na minha cama, sem qualquer barulho à minha volta;
- Por último e o mais importante na minha vida, a minha filhota e o meu marido, eles são o meu porto seguro.

Agora deveria de seguir a regra e indicar dez blogues merecedores deste selinho, mas vou passar à frente e oferecê-lo a todos os meus seguidores e agradecer. Obrigada por existirem, pois sem vocês, este blogue não fazia sentido!
 

Livros, o meu vício Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Online Shop Vector by Artshare